Skip to content

Amor que trago – Karol e Júlio

Composição: Andréa Cleoni

Minha Calma é inabalável
Minha alma é incansável
Meu suspiro é o meu alívio
Por causa do amor que trago

Não há dor e nem suplício
No trabalho que realizo
Quando durmo, o sono é livre
Por causa do amor que trago

Sem remorso e sem angústia
Me refaço, sem sacrifício
E começo um novo dia
Por causa do amor que trago

Por causa do amor que trago
Tudo é fácil e flui
Sou feliz e tudo é claro
Tenho fé no amor
Que o amor não seja raro
Não seja raro
Não seja raro o amor

Que o amor não seja raro
Não seja raro
Não seja raro o amor

Que o amor não seja raro

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: